Itamaraju tem cinco casos confirmados de Febre Oropouche

Subiu para 628 o número de casos confirmados da Febre Oropouche na Bahia. Os dados foram atualizados na quinta-feira (6), após levantamento do Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen). A doença foi mapeada em 41 municípios do estado.

Itamaraju tem cinco casos confirmados de Febre Oropouche

O primeiro caso da doença em Salvador foi registrado no dia 10 de abril. Em todo o estado, a cidade de Gandu lidera a lista, com 81 diagnósticos positivos, seguida por Amargosa, com 60, e Teolândia, com 43.

No extremo sul os municípios de Itamaraju e Porto Seguro aparecem na lista com cinco e dois casos confirmador respectivamente.

A Febre do Oropouche é uma doença viral transmitida pelo Culicoides paraensis, conhecido como maruim ou mosquito-pólvora. Até o momento, não há registros de transmissão direta entre pessoas.

Os sintomas incluem febre, dor de cabeça e dores musculares, semelhantes aos de outras arboviroses como a dengue e a chikungunya. Não existe tratamento específico para a Febre do Oropouche.

Com o aumento no número de casos, a Secretaria da Saúde do Estado (SESAB) intensificou as ações de investigação epidemiológica nas regiões em que houve registros da doença.

Preso lutador de MMA acusado de agredir e provocar lesões em aluno da UFSB/campus de Teixeira de Freitas

Preso lutador de MMA acusado de agredir e provocar lesões em aluno da UFSB/campus de Teixeira de Freitas

Partículas poderão diagnosticar câncer de mama

Partículas poderão diagnosticar câncer de mama