Suspeito de tráfico de drogas e assaltos morre após confronto armado com militares da Rondesp em Alcobaça

Júlio Rodrigues Pinto, o “Badjula”, de 29 anos, acusado de assaltos e tráfico de drogas, morreu na tarde desta quarta-feira, 1º de maio, após uma perseguição seguida de um confronto armado com policiais da Rondesp Extremo Sul, no bairro Eldorado, em Alcobaça.

Suspeito de tráfico de drogas e assaltos morre após confronto armado com militares da Rondesp em Alcobaça

Segundo os militares que participaram da ação, eles foram para Alcobaça depois de denúncias que o suspeito, já com várias outras passagens na polícia, estaria se preparando para “eliminar” concorrentes de uma facção criminosa rival.

Os policiais ainda informam que fizeram diversas rondas na cidade e numa delas, quando passaram por uma estrada vicinal, perceberam o suspeito tentando fugir. Na tentativa de abordá-lo, ainda segundo os militares, o suspeito teria sacado uma arma de fogo e efetuado disparos em direção da guarnição.

No revide policial “Badjula”, foi atingido e apesar de ter sido socorrido ao Hospital São Bernardo, na própria cidade de Alcobaça, acabou não resistindo.

Com ele foram apreendidos uma pistola Taurus PT-100 com numeração suprimida, munições, porções de crack, maconha e cocaína, além de uma balança de precisão.

A ocorrência do auto de resistência foi registrada na 8ª Coordenadoria de Polícia do Interior (Coorpin/Teixeira de Freitas), que expediu guia e autorizou a remoção do corpo ao IML de Itamaraju.

De acordo com a polícia, o resistente Júlio Rodrigues Pinto, o “Badjula”, de 29 anos, morava em Alcobaça, mas também praticava crimes de tráfico de drogas e assaltos em Prado.

Bando armado enfrenta a Cipe-Mata Atlântica no litoral do Prado; um suspeito morre na ação

Bando armado enfrenta a Cipe-Mata Atlântica no litoral do Prado; um suspeito morre na ação

Narrador Silvio Luiz recebe alta hospitalar após 23 dias internado

Narrador Silvio Luiz recebe alta hospitalar após 23 dias internado